ANDREI RUBLIOV

ANDREI RUBLIOV

Produto esgotado no momento, quer ser avisado?

Preencha os dados abaixo para ser avisado quando retornar.

Descrição

Produzido em 1966, Andrei Rublióv, segundo longa-metragem de Andrei Tarkovski, permaneceu censurado na União Soviética até 1971. Apesar disso, ganhou o prêmio da crítica internacional de Cannes em 1969. Encarregado de pintar as paredes da Catedral da Anunciação, no Kremlin, Andrei Rublióv trabalha sob a direção do mestre grego Teófano. Mas o conflito entre a espiritualidade e o mundo material surge quando Rublióv sai do mosteiro para trabalhar em outras cidades e percebe a degradação da humanidade. Tarkovski nos mostra a transformação de um jovem pintor idealista num monge que faz voto de silêncio em resposta ao sofrimento que o cerca. Ao final, a obra revela-se um manifesto a favor da esperança que traz a experiência espiritual pela arte. O roteiro literário, pela primeira vez publicado no Brasil, tem episódios não incluídos no filme.